Viagens & ImagensNew Mexico

Viagens & Imagens no Facebook  Viagens & Imagens no Youtube  Siga o Viagens & Imagens no Twitter  Viagens & Imagens no Panoramio  Viagens & Imagens no Google+  Viagens & Imagens no Flickr

Nesta página estão 14 imagens feitas no estado americano de New Mexico.

 

Inicio
Alabama
Arizona
California
Florida
Georgia
Idaho
Illinois
Indiana
Iowa
Kentucky
Louisiana
Maryland
Minnesota
Mississippi
Missouri
Nevada
New Jersey
New Mexico
New York
North Carolina
Ohio
Oklahoma
Oregon
Pennsylvania
South Carolina
Tennessee
Texas
Utah
Virginia
Washington
West Virginia
Wisconsin

 

 

 

 




 

 

 

 

 

O slogan oficial do estado do New Mexico, como pode ser visto nesta placa de boas vindas à beira da estrada, é The Land of Enchantment, ou seja, A Terra do Encantamento. Ao mesmo tempo, como também pode ser visto nesta imagem, não existe tanto encantamento assim na área, já que tudo em volta são terras secas e vegetação rasteira. Na realidade este é o próprio retrato do sudoeste americano. O New Mexico está no centro de uma das zonas mais áridas do país, entre os desertos do Texas e Arizona, ao norte da fronteira com o México. Para quem gosta de verde esta não é exatamente uma região de natureza exuberante, mas para quem estiver disposto a ver a natureza com outros olhos, existe sim, muito encantamento nesta região. Não em forma de verde, é verdade, mas de outras formas belas que a natureza também sabe apresentar.

Os encantos do New Mexico são apresentados de formas e matizes diferentes, não tem tantos verdes, mas tem sim, sua beleza. A foto ao lado foi feita numa escarpa das Guadalupe Mountain, área montanhosa ao sul do estado. É um ponto privilegiado, pois permite observar uma extensão quase a perder de vista do terreno. E nesta hora é inevitável sentir uma sensação estranha, que poderia ser definida talvez como a sensação da imensidão, dos espaços vazios não conquistados pelo homem, ou coisas do gênero. Assim como é inevitável também lembrar de todos aqueles filmes westerns, onde índios e cowboys se enfrentavam nestas terras desertas. Talvez estas sensações pessoais expliquem melhor o que eles querem dizer com Terra do Encantamento.

 

Uma imagem característica do New Mexico são os Pueblos, que serviam de habitação aos indígenas que moravam por aqui antes da chegada do homem branco. Diversos pueblos foram preservados, continuam servindo de moradia e estão até mesmo abertos à visitação. Em todo o estado existem dezenas de pueblos, mas a maior parte deles infelizmente foi completamente descaracterizada pelos moradores atuais, e hoje em dia assemelha-se mais a favelas.  O Pueblo mais conservado do estado fica em Taos, ao norte da cidade de Santa Fé. Foi construído por volta do ano 1450, e permanece habitado. Como é muito visitado por turistas, há sempre indígenas prontos a conduzir a gente num tour pelo Pueblo. Em janeiro diversos pueblos comemoram datas tradicionais, com danças típicas e outros eventos.

 

Poucas pessoas conseguem permanecer imunes ao encantamento oferecido por um longo trem serpenteando  pela planície, com suas locomotivas coloridas e dezenas de vagões, alguns com formatos tão estranhos que nos fazem pensar: Para que servirão? E quem percorre as rodovias desta região quase sempre encontra como companhia imensas composições, freqüentemente puxadas por duas ou três locomotivas na frente de uma fila de vagões a perder de vista. Por aqui os trens são quase todos da Santa Fe, o que sempre nos chamava a atenção, pelo nome sonoro que parecia estar escrito em nossa própria língua, e que de alguma forma nos dava a sensação que estávamos em casa.  Apesar da empresa ter o mesmo nome da capital estadual ela nunca chegou a atender aquela parte do New Mexico.  O nome oficial da empresa é BNSF, e ela faz somente transporte de Carga. Viagens de trem de passageiros são realizadas principalmente pela empresa Amtrak.

Veja um vídeo que gravamos de Trem no Deserto.

 

Não se vê mais quase destas tendas indígenas que sempre apareciam nos filmes de cowboys. As poucas que ainda existem funcionam mais como chamariz para turistas, e quase sempre funcionam. Pelo menos funcionou com a gente. Vimos a tenda ao passar pela estrada, próximo à Albuquerque. Ela tinha sido montada na frente de um estabelecimento comercial dirigido por uma família de descendentes Navajos, onde eram vendidos tapetes, adornos indígenas, tótens, cabeças entalhadas de chefes indígenas famosos, com os típicos cocares de penas. mocassins, trajes indígenas etc.

De uma forma geral a situação dos indígenas do país é melancólica e, com raras exceções, a grande maioria vive de forma simples, sem acesso às conveniências da vida moderna, e ganha seu sustento do turismo, principalmente vendendo artesanato. Mesmo tendo sido contemplados com  áreas agora designadas como reservas indígenas, é fácil constatar como eles foram os grande prejudicados pela chegada do homem branco e sua civilização.  Anasazi, Navajos, Comanches, Apaches e outros, são hoje em dia pálidas e constrangedoras lembranças dos povos que, há 200 anos, cavalgavam por estas terras com orgulho e altivez.

 

Imagem feita em Gallup, cidade no oeste do estado, quase divisa com o Arizona. Não deu para descobrir se esta cidade tem alguma coisa a ver com o célebre instituto de pesquisas, mas de qualquer forma o que encontramos aqui foi uma típica e tranqüila cidade do interior, com a característica especial de ter muitos habitantes de origem indígena. Gallup foi fundada em 1891, pela companhia de estradas de ferro Atlantic and Pacific Railroad, é a maior cidade da região, o que não quer dizer muito, já que esta região é quase toda desértica. A cidade fica próxima a algumas reservas indígenas, portanto não é de estranhas que se encontrem em sua principal avenida (foto ao lado) lojas com o nome de Indian Torch (Tocha India). Um lugar pacato, típico e ideal para sair da estrada e descansar do volante por uma hora ou duas.

Veja um vídeo que fizemos percorrendo um Estrada de New Mexico.

Uma paisagem bastante diferente do que predomina no restante do estado é oferecida por White Sands (areias brancas). Ocupando uma área de mais e quatrocentos quilômetros quadrados, e a quase mil e duzentos metros acima do nível do mar, a região é considerada o maior depósito natural de gipso (sulfato hidratado de cálcio cristalizado). Mas deixando os termos técnicos de lado, a verdade é que as pessoas vem até aqui simplesmente porque o lugar é bonito.  Montanhas brancas, entremeadas com tufos de vegetação, e que contra o céu azul fornecem visuais incríveis e a alegria dos fotógrafos e dos turistas. Muito parecido com os Lençóis Maranhenses(mas sem as lagoas, que tornam o paraíso do nordeste brasileiro inigualável). White Sands National Monument fica situado 24 km ao sul da localidade de Alamogordo.

 

A nação indígena pode ter perdido a quase totalidade de suas terras e poderio para o homem branco, mas ainda hoje, felizmente, continua a cultivar muitas de suas tradições. Um dos melhores eventos para testemunhar isto é durante o Gathering of the Nations Powwow, o que corresponde mais ou menos a uma reunião anual das famílias indígenas. O evento acontece na arena coberta da universidade do New Mexico, em Albuquerque. Há exibição de danças com vestimentas típicas, competições, torneios, pratos típicos, artesanato e até escolha da Miss Indian World, um tipo de concessão aos novos tempos. A festa geralmente acontece em abril, e coincide com outras festas típicas, como a do Founders Day (Dia dos Fundadores), que celebra a fundação da cidade de Albuquerque, em 1706.

Até hoje os descendentes dos índios Apache, Pueblo, Suma, Hopi, Zuni e Navajo, vivem basicamente do artesanato, por isso, encontram-se em quase todo lugar por aqui postos de comércio, onde são oferecidos tapetes, trabalhos em prata, roupas índias, cocares, mocassins, cerâmica, colares e adornos com pedras semipreciosas da região. Muitas das peças são autênticas obra de arte indígena, e costumam ser vendidas por bons  preços. 

 

Foi na pequena Roswell, ao sul do New Mexico, 50 mil habitantes, que aconteceu aquele famoso incidente da queda do disco voador e captura de um alienígena, encoberto pelo governo americano. Você já ouviu falar desta história não é?Bem, seja a história verdade ou mentira, o fato é que hoje em dia Roswell vive em função do famoso evento, e todos na cidade garantem aos turistas que sim, tudo aconteceu mesmo, e foi encoberto pelo governo americanos para que as pessoas não entrassem em pânico.

Ao longo de uma rápida passagem de carro pelas ruas da cidade, o que mais se vê são lojas fazendo referência ao disco voador e ao alienígena capturado em Roswell. São fachadas de lojas, restaurantes, bares com cartazes, letreiros, luminosos em néon, com homenzinhos verdes, desenhos de discos voadores, cardápios alienígenas, menus de discos voadores etc etc. Até os postes das ruas são pintados de forma a lembrar olhos alienígenas.  O evento teria ocorrido em 1947 e foi a única vez na história em que o governo americano reconheceu oficialmente ter obtido provas de vida extraterrestre, embora logo depois tenha voltado atrás e desmentido a declaração inicial. O assunto nunca mais foi satisfatoriamente explicado pelo governo, e serviu de tema a diversos filmes e seriados de tv passados em Roswell.

 

Santa Fe, a capital do New Mexico, é uma cidade histórica e totalmente diferente das cidades típicas americanas. É um dos locais que mais atrai turistas ao estado e a razão está principalmente em sua aparência, que faz lembrar um museu arquitetônico e cultural ao ar livre. A grande maioria de construções em sua parte central preserva o estilo indígena característico da região, semelhante aos pueblos. É uma das cidades mais antigas do país, e estima-se que foi fundada entre os anos 1050 e 1150, pelos nativos da região. "A Cidade Diferente", só permite novas construções dentro do estilo arquitetônico característico dos Pueblos (como na imagem ao lado), e tem vários locais que valem ser visitados, como o New Mexico Museum of Art, Museum of Indian Arts and Culture e a prestigiada Cathedral Basilica of Saint Francis of Assisi.

 

A estranha paisagem no meio de lugar nenhum, com imensas antenas parabólicas alinhadas apontando na direção do céu, como se estivessem observando alguma coisa que nenhum de nós consegue ver, é uma das imagens mais surrealistas que se poderia encontrar por aqui. Mas quem lembra do filme Contato, em que Jodie Foster construía um estranha máquina para viagens espaciais, deve reconhecer o lugar, pois aqui foram feitas diversas locações. Trata-se do National Radio Astronomy Observatory, considerado o mais importante conjunto de equipamentos de observação astronômica do planeta. Alguns trechos de suas instalações podem ser visitadas através de tours organizados em grupos. O observatório fica próximo à cidade de Socorro.

 

Ao passar por Albuquerque, a capital do estado, não deixe de visitar o Museum of Nuclear Science & History, museu aberto dedicado aos tempos da guerra fria, e local da mais completa coleção do país de armas nucleares. Lá pode-se ver, entre outras coisas, as primeiras bombas atômicas e mísseis nucleares diversos, felizmente todos já desativados. Também há uma área onde ficam estacionados grandes bombardeiros, como o B-29, que jogou a última bomba atômica na 2a guerra, e o gigantesco B-52 que aparece nesta foto. Veja o site oficial do Museum of Nuclear Science & History. Não é a toa que ali perto fica Los Alamos, onde foi criada a primeira bomba atômica.

 
Clique sobre esta foto para vê-la em maior resolução.

Veja um vídeo que gravamos na visita ao Museum of Nuclear Science & History.

 

Uma das poucas regiões verdes do New Mexico são as Capitan Mountains, ao sul do estado.  A pequena cidade de Capitan, no alto das montanhas, destoa completamente do cenário desértico que predomina em quase todos lugares de New Mexico. Passamos por aqui de passagem, estacionamos à beira da estrada (que também é a rua principal da cidade), entramos no super mercado para comprar água e outras coisas e em menos de uma hora já tinha dado para conhecer praticamente toda a cidade de Capitan.

O urso de madeira que aparece na imagem ao lado é talvez o mais conhecido símbolo de Capitan. Ele chama a atenção dos viajantes que passam pela estrada 380 para o Smokey Bear, tradicional motel e restaurante da cidade. Conta-se que foi aqui que ele nasceu, e também é aqui que foi enterrado.

Para quem não está ligando o nome à pessoa, Smokey Bear é a forma como é conhecido o urso símbolo do programa federal de prevenção e combate aos incêndios florestais no país, personagem muito freqüente em comerciais de televisão e cartazes encontrados nos parques nacionais.

 

Pouco ao sul da cidade de Roswell está situado Carlsbad Caverns National Park, o lugar mais fantástico de qualquer visita ao New Mexico. Em todo estado existem dezenas de cavernas, mas Carlsbad é a mais profunda dos Estados Unidos, e custa a crer que escondida sob estes desertos monocromáticos exista um lugar tão especial.  Sua entrada fica pouco ao norte da divisa com o estado do Texas, e se você estiver passando pela estrada 285 ou pela 62/180 dê uma paradinha na cidade de Whites City e confira. Para mais detalhes veja a página Carlsbad Caverns.  E para finalizar a visita ao New Mexico não deixe de conhecer sua principal cidade, sobre a qual escrevemos um pouco na página Albuquerque .

Estivemos duas vezes no New Mexico, e gostamos muito do que vimos. Uma forte influência indígena, gente amigável, dias quentes, noites frias, e uma natureza surpreendente totalmente diferente do que conhecíamos. Ao deixarmos estas terras era inevitável concordar com o que eles dizem: New Mexico é realmente uma Land of Enchantment.

 

Quer deixar uma mensagem no Viagens & Imagens? Utilize o Guest Book 1 (nesta opção você terá uma resposta junto à sua mensagem)
ou o Guest Book 2 (para para quem não necessita resposta). As mensagens estarão visíveis em pouco tempo.

Vai alugar um carro e pegar a estrada nos Estados Unidos? Veja também a página Dicas USA

A música desta página é Old Jaw. Para interromper sua execução clique em X (parar).      

Heather Nova: Out in New Mexico:

These walls around me and the days are long
I fill my lungs with a widow's song.
I'm looking for a reason, feel the spirit rise
I see my life before me when I close my eyes.

Sometimes I feel, in a world between
Everything I touch and everything I dream.
Sometimes I long for the rose to bleed
For the spark to light in the depths of me.

I picture a road out in New Mexico
Red earth and mountains and sky.
I picture my soul out in New Mexico
With all that space rolling by.
 

Bandeira do estado do New Mexico.