Inicio
Alabama
Arizona
California
Florida
Georgia
Idaho
Illinois
Indiana
Iowa
Kentucky
Louisiana
Maine
Maryland
Minnesota
Mississippi
Missouri
Nevada
New Jersey
New Mexico
New York
North Carolina
Ohio
Oklahoma
Oregon
Pennsylvania
South Carolina
Tennessee
Texas
Utah
Virginia
Washington
West Virginia
Wisconsin

 

 

 

 

 




 

 

 

 

Quando se fala em New York todo mundo pensa logo na famosa cidade onde as luzes não se apagam, considerada por muitos como o centro do mundo. O que muita gente não se dá conta é que eles estão pensando mesmo é em New York City, a mais conhecida cidade do país. Mas na verdade, o estado de New York não guarda muitas semelhanças com a cidade de New York. Por incrível que pareça e contrariando as expectativas, o estado de New York é um lugar em grande parte rural, com áreas verdes, lagos, montanhas e recantos tranqüilos, que mesmo estando situados a poucas horas de New York City nada tema ver com a famosa cidade, nem em aparência, nem em estilo de vida. Foi isso que constatamos, surpresos, logo que atravessamos a fronteira entre Canadá e Estados Unidos, e recebemos as boas vindas dadas por uma gelada placa turística.

E quanto mais percorríamos as estradas do estado conhecido como 'Empire State' mais a impressão inicial se confirmava. New York é um estado verde. Bem, pelo menos até onde era possível  enxergar, porque naquela manhã quase tudo coberto pela neve. Ah sim, como também percebemos naquele mesmo dia, o estado de New York é muito gelado, mesmo no outono.

   

Aquela foi a primeira vez que visitamos o estado de New York e na ocasião nossa entrada foi pelo norte, cruzando a fronteira com o Canadá e depois descendo em zigzag, seguindo por estradas secundárias e procurando ver o máximo possível até o destino final, que era New York City. E a primeira parada, logo depois da fronteira, foi a cidade de Niagara Falls, famosa pelas cataratas e também por ser o destino preferido dos americanos para passar a lua de mel (não descobrimos porque, mas imaginamos que a água das cataratas tenha alguma cotação romântica ou talvez ligada à fertilidade). A imagem ao lado foi feita no Niagara Falls State Park, parque situado em frente às quedas de água, embora a foto não mostre água alguma e sim muita neve (como quase todos brasileiros, ficamos sempre fascinados com a neve). Um local muito visitado nestas redondezas é Old Fort Niagara, forte construído em pedra no ano de 1726, pelos franceses. Após os ingleses assumirem o controle desta região, o forte mudou de mãos, mas foi preservado.

 

Niagara Falls é uma cidade construída junto às cataratas do Niagara. Mas na verdade existem duas cidades, a mostrada na imagem ao lado, do lado Americano, e outra, construído no lado Canadense da fronteira. As duas tem o mesmo nome e são separadas pelas águas e pelas cachoeiras. Vele dizer que o lado canadense é maior, mais animado e com mais coisas para se fazer. Esta foto foi feita na Niagara Falls americana. Na verdade, além de ver as cataratas e curtir luas de mel, não há muito para se fazer por aqui, e grande parte do movimento da cidade é causado pelo movimento intenso e permanente de veículos na fronteira entre os dois países.

 

Lake George é uma das principais áreas de lazer do estado de New York, graças ao ambiente formado por florestas de pinheiros, lagos e suaves montanhas e quando estivemos aqui o frio não era tão intenso. Quem percorrer esta região vai encontrar desde áreas onde a natureza permanece praticamente intacta, ideais para campings, caminhadas ou outras atividades ao ar livre. Por aqui encontram-se bons resorts, oferecendo passeios de barco e outros programas. Nunca tínhamos ouvido falar neste lugar até chegarmos aqui para pernoitar, e infelizmente não ficamos o tempo que o lugar merecia. Lake George é um dos pontos turísticos mais famosos e procurados do estado de New York e no auge do inverno grande parte de suas águas congelam, quando então são organizadas diversas disputas, jogos e competições sobre o gelo.

 

Woodstock é uma pequena comunidade rural na região central que até 1969 pouca gente tinha ouvido falar, mas depois disso passou a ter seu nome sempre associada ao maior festival de música até então realizado, e que entrou para a história como 'os três dias de paz e amor'. O evento ocorreu numa área ao ar livre de dois e meio quilômetros quadrados e reuniu meio milhão de pessoas para ouvir alguns dos músicos e bandas mais famosas da época, como The Who, Jimy Hendrix, Santana, Greteful Dead, Jefferson Airplane. Conta-se que até os Beatles iriam participar, mas como a entrada de John Lennon no país não foi autorizada (na época o FBI estava de olho em Lennon devido à sua intensa atividade política), a banda não participou. Encontramos a plaquinha indicando Woodstock quando passávamos por uma estrada secundária e fomos até lá, mas nada mais no lugar fazia lembrar aqueles três dias famosos, com exceção da casa de espetáculos Woodstock Playhouse, que já havia falido.

 

Adirondacks é por aqui um nome sempre associado s belezas da natureza e compreende uma região formada por dezenas de lagos, montanhas e matas, entrecortadas por centenas de trilhas e resorts badalados. Situado ao norte do estado, esta região é tudo aquilo que se imaginaria quase impossível de encontrar a poucas horas da famosa megalópole. Quem estiver viajando pela I-87 no sentido norte-sul deve dar uma passada por aqui, nem que seja de algumas horas. Saia da auto-estrada na altura de Pottersville e siga pela road 9 e depois pela 74, e com certeza você vai se sentir a milhares de quilômetros da civilização. Ao lado, uma imagem de Schroon Lake, situado junto à pequena localidade de Adirondack.

 

A imagem ao lado foi feita na cidade de Albany, capital do estado. Fundada pelos holandeses em 1609, a influência deles ainda pode ser sentida em vários aspectos do dia a dia, como nos nomes de ruas e principalmente em seu festival anual de tulipas, realizado no Washington Park. Albany fica duzentos e trinta quilômetros ao norte da cidade de New York. Nossa passagem por aqui foi de somente um pernoite, mesmo assim aproveitamos para dar uma passeio pelo centro seus arredores, e conhecer um pouco da capital estadual A cidade é pequena e tranqüila, e nos deixou a impressão que viver aqui deve ser muito bom e calmo, talvez até mesmo calmo demais... Em destaque na foto o prédio do State Capitol de New York.

 

Na região central do estado, pouca coisa ao sul da autoestrada I-90, encontram-se diversos lagos menores, que num passado distante já fizeram parte do grande lago Erie. São quase todos longos e estreitos, conhecidos pelos americanos com 'Glacial Finger Lakes' (lagos glaciais em forma de dedo), e com nomes originais como Seneca, Caiuga e Owasco, às margens dos quais estão belas residências. Quem estiver indo, por exemplo de New York City ou Boston para Buffalo vai provavelmente cortar esta região e recomendamos que não tenha muita pressa para chegar ao destino e dê uma passeada por aqui, percorrendo, por exemplo, as estradas 90 ou 14, que circundam alguns destes lagos. Quem percorrer as redondezas de Seneca vai descobrir também que além da paisagem privilegiada esta região é famosa por suas vinícolas, mais de quarenta, com vinhos de bom preço e qualidade.

 

Imagem do centro de Buffalo, uma das principais cidades do estado, feita numa tarde de sábado, um pouquinho antes de congelarmos. O prédio que aparece ao fundo é a City Hall (prefeitura), situado na Niagara Square 65. Se você passar por lá sugerimos pegar o elevador e subir até o vigésimo quinto andar, de onde se tem uma belíssima vista panorâmica não somente de Buffalo mas também de grande parte do grande lago que banha a cidade, Lake Erie.

Durante os meses quentes, um programa muito popular entre turistas é passear de barco em Lake Erie. Não fizemos este passeio, porque estivemos lá no inverno e nesta época o tour não operava, mas se você estiver visitando a região em outra época do ano fica aqui a sugestão de um passeio pelas águas do lago a bordo de Miss Bufffalo.

Vídeo: Buffalo

 

O histórico Rondout Ligthouse é um farol fluvial situado no rio Hudson (que mais à frente banha o lado oeste de Manhattan), junto a Rondout Creek. Inaugurado em 1915, o farol na verdade é o terceiro a ser erguido neste mesmo local e até 1946 servia também como habitação para a família do faroleiro, quando então passou a ser administrado pela guarda costeira. Desde 2002 é administrado pela prefeitura de Kingston e permanece ativo e desempenhando um papel importante na navegação fluvial. O agora Kingston Lighthouse está aberto à visitação turística em certas épocas do ano, sendo a visita feita em embarcações que partem do Hudson River Maritime Museum, em Kingston. No farol estão ainda móveis e utensílios diversos originais de época, mas o melhor mesmo, além do passeio de barco, é a bela vista que se tem do alto do farol.

 

Long Island é, como sugere o nome, uma ilha longa. Banhada pelo Atlântico, separada do estado de Connecticut por uma faixa de água com largura média de vinte quilômetros e sem ser destino para lugar algum além da própria ilha, Long Island costuma ser quase sempre esquecida pelos turistas, apesar de ser um tradicional e popular local de lazer entre os habitantes de New York. Long Island tem cento e noventa quilômetros de extensão, largura máxima de trinta e sete quilômetros e dezenas de quilômetros de praias, manguezais, cidades, atrações turísticas, alta densidade populacional e até mesmo projetos para se tornar um estado independente. Este é um lugar que merece ser visitado por quem estiver passando mais tempo em New York City, e está ligada à cidade por ótimas estradas e diversas linhas de metrô.

 

As águas de Lake Erie, situado a oeste do estado, não são convidativas para o banho durante os meses frios. Mas em compensação nos garantiram que durante os meses de verão elas são muito freqüentadas por veleiros, iates e principalmente banhistas. Lake Erie é o quarto maior lago da região dos Great Lakes - grande lagos - que inclui ainda os lagos Superior, Michigan, Huron e Ontario, situados na área fronteiriça entre Estados e Canadá. O grande volume e áreas somadas dos cinco lagos são tão grandes que alguns americanos se referem a eles como 'The Third Coast' (a terceira costa). Uma das mais famosas obras de engenharia da região é Erie Canal, uma rota artificial com 580 km de extensão atravessando quase todo o estado, desde a capital Albany até Buffalo. Diversas empresas oferecem passeios pelo canal, como a Erie Canal Cruises. Ao lado, imagem do antigo farol da cidade de Barcelona (o nome é esse mesmo), às margens de Lake Erie.

 

Dirigir na neve não é uma experiência nada agradável, principalmente para quem não está muito acostumado com isso, como era nosso caso. Naquela primeira viagem à New York enfrentamos algumas nevascas na estrada, pistas escorregadias, visibilidade quase nula e apesar dos lindos cenários com tudo branquinho em volta, a verdade é que enfrentar a estrada em épocas de neve é uma experiência que esperamos não precisar nunca mais repetir, nem recomendamos para ninguém. Nestes momentos, quando encontrávamos à beira da estrada a plaquinha indicando a proximidade de um abrigo e centro de informações sempre aproveitávamos para dar uma parada, recarregar as bateria e seguir em frente rumo ao nosso destino final, a cidade de New York.

 

Ao lado uma típica foto de um casal de turistas passeando em Manhattan... e porquê não? Afinal de contas não é todo dia que se tem a chance de subir no Empire State Building, o edifício mais famoso de New York City, e o painel que encontramos no alto do prédio, com a imagem da estátua da liberdade era um convite irresistível.

A cidade de New York é um dos destinos mais procurados por turistas de todas as partes do mundo, pois oferece intermináveis opções de entretenimento para quem quer que seja. Museus, teatros, musicais, shows, artes, livrarias, restaurantes, novidades, esportes, compras, eventos... e relação é infindável e varia de pessoa para pessoa segundo o gosto pessoal de cada um. Tantas são as opções que decidimos montar uma página especialmente dedicada a ela. Veja detalhes e dicas específicas sobre esta incrível megalópole na página New York City.

 

 

A música desta página é 'Yankee Doodle'. Para interromper sua execução pressione a tecla ESC.  

Father and I went down to camp
Along with Captain Gooding
And there we saw the men and boys
As thick as hasty pudding

Yankee doodle, keep it up
Yankee doodle dandy
Mind the music and the step
And with the girls be handy.

There was Captain Washington
Upon a slapping stallion
A-giving orders to his men
I guess there was a million.

And then the feathers on his hat
They looked so' tarnal fin-a
I wanted pockily to get
To give to my Jemima.


Bandeira do estado de NY