Inicio
Akershus
Amboise
Angers
Arundel
Audley End
Azay le Rideau
Bamburgh
Beaumaris
Blackness
Blenheim
Blois
Bodiam
Budavari
Caernarfon
Caerphilly
Cardiff
Carlisle
Chambord
Charlottenburg
Chantilly
Chenonceau
Chepstow
Cliffords
Conciergerie
Conwy
Criccieth
Doune
Dover
Edinburgh
Ewloe
Fontainebleau
Frederiksborg
Glamis
Hampt Court
Harlech
Hatfield
Heidelberg
Hever
Hohenschwagau
Langeais
Leeds
Linlithgow
London Tower
Neuschwanstein
Newcastle
Norwich
Nottingham
Nymphenburg
Pena
Penshurst
Pierrefonds
Prazsky
São Jorge
Schonbrunn
Scone
Southsea
Stirling
Tonbridge
Urquhart
Versalhes
Villandry
Vincennes
Warwick
Wilanow
Windsor

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

Visitamos Beaumaris durante umas férias pelo País de Gales, e a primeira coisa que nos chamou atenção sobre o castelo foi seu nome em francês, derivado das palavras Beau Mareys. Parodiando aquela antiga história, poderíamos dizer que Beaumaris é sem nunca ter sido. Por que? Porque, ao contrário da que se espera de uma fortificação desse tipo, ele é um castelo que nunca viu um combate. Nunca um exército inimigo cercou o castelo, tentou invadi-lo, vencer suas muralhas ou derrubar seus senhores. Ele nunca chegou a desempenhar o papel para o qual foi construído. Ao lado, uma imagem aérea, mostrando a forma simétrica da arquitetura de Beumaris.

   

A história do castelo remonta ao século XIII. Em março de 1284, com a morte do rei Llywellyn, na cidade de Builth, e com a execução de Dafydd, em Shrewsbury, a época dos reis e da autonomia de Gales estava chegava ao fim. Aproveitando disto, o rei Inglês Edward VIII decidiu dominar e administrar a região norte do País de Gales segundo o estilo de Counties e Shires adotado na Inglaterra, que correspondiam mais ou menos às diversas regiões administrativas existentes na época.

 

Este era um estilo em que cada região tinha um administrador indicado pelo rei, e ficava responsável pelo poder e controle da região. O centro desse poder era sempre um castelo. As regiões de Caernarfon e Merioneth já tinham seus centros administrativos nos castelos de Caernarfon e Harlech, ambos, assim como Conwy, com construção iniciada em 1283.

A decisão de construir o castelo de Beaumaris, e o local escolhido devem ter sido tomadas na semana que o rei passou na região de Llanfaes, em agosto de 1283. A construção, no entanto, não foi iniciada imediatamente, pois mesmo para um soberano na idade média, não era fácil conseguir recursos e profissionais qualificados para construir três imensos castelos ao mesmo tempo.

O início da construção do castelo de Beaumaris ocorreu apenas em 1295. Este foi o último dos grandes castelos construídos por Edward VIII na região norte do País de Gales. O arquiteto encarregado da obra, James of St. George conseguiu no projeto deste castelo atingir um grau de simetria quase matemática, como nunca tinha sido visto em nenhum dos projetos anteriores. 

 

Se uma linha fosse traçada no chão, dividindo o castelo em duas metades, veríamos que um dos lados do castelo é praticamente o reflexo da outra metade, o que nos dá idéia do requinte arquitetônico de seu projeto. Para a construção de Beaumaris, os registros indicam que na fase inicial foram necessários duzentos pedreiros, quatrocentos cortadores de pedras e dois mil ajudantes. O custo estimado na época de sua construção foi de £31.000, o que transformado em valores atuais corresponde a aproximadamente vinte milhões de dólares, relativamente pouco para uma obra deste porte.

Site oficial: Beaumaris Castle

A história deste castelo foi relativamente calma, sem grandes eventos históricos ou turbulências. Por exemplo, ele nunca chegou a ser atacado ou sitiado, como aconteceu com castelos vizinhos, como Harlech. Um dos poucos registros de atividades militares foi na ocasião da guerra civil ocorrida no Reino Unido. Consta que Beaumaris foi tomado por uma guarnição fiel ao rei, e apenas em 1646 rendeu-se às tropas parlamentaristas.

Vídeo: Visitando Beumaris Castle

A partir daí chegou a ocorrer alguma destruição parcial do castelo, mas a maior parte de sua estrutura permanece tal e qual foi originalmente construída, no ano 1300. Após a guerra civil, sem maiores utilizações, o castelo foi sendo gradualmente abandonado, até se transformar numa estrutura quase em ruínas. Em 1807 as ruínas do castelo foram compradas da coroa Britânica por Lord Bulkeley, por £735.

Em 1925 a administração do castelo foi transferida para uma comissão do governo responsável pela preservação de monumentos históricos, quando finalmente foi iniciado um programa de recuperação de Beaumaris.  O castelo está situado numa das regiões mais belas do País de Gales, e se você pretender visitá-lo, reserve um tempinho para passear também pela cidade de Beaumaris, ao lado do castelo, que é uma graça. Beaumaris fica próximo cidade de Bangor, nordeste do País de Gales. Saindo de lá, siga pela estrada A545, e em cerca de quinze quilômetros chega-se ao castelo. Situado no meio de gramados verdes, e num local de tranquilidade absoluta, Beumaris, apesar de suas grossas muralhas, transmite uma impressão de paz cativante, e merece a fama que tem, a do 'Castelo que foi sem nunca ter sido'.

 

 

Todas as músicas de Castelos e Palácios são reproduções de autênticas canções medievais ou renascentista .
Para interromper a execução pressione a tecla ESC.