Viagens & ImagensSchloss Charlottenburg

Viagens & Imagens no Facebook  Viagens & Imagens no Youtube  Siga o Viagens & Imagens no Twitter  Viagens & Imagens no Panoramio  Viagens & Imagens no Google+  Viagens & Imagens no Flickr

Nesta página estão  fotos e informações sobre o palácio de Charlottenburg, situado em Berlin, Alemanha.

 

Inicio
Akershus
Amboise
Angers
Arundel
Azay le Rideau
Bamburgh
Beaumaris
Blackness
Blenheim
Blois
Bodiam
Budavari
Caernarfon
Caerphilly
Cardiff
Carlisle
Chambord
Charlottenburg
Chantilly
Chenonceau
Chepstow
Cliffords
Conciergerie
Conwy
Criccieth
Doune
Dover
Edinburgh
Ewloe
Fontainebleau
Frederiksborg
Glamis
Hampt Court
Harlech
Hatfield
Heidelberg
Hever
Hohenschwagau
Langeais
Leeds
Linlithgow
London Tower
Neuschwanstein
Newcastle
Norwich
Nottingham
Nymphenburg
Pena
Penshurst
Pierrefonds
Prazsky
São Jorge
Schonbrunn
Scone
Southsea
Stirling
Tonbridge
Urquhart
Versalhes
Villandry
Vincennes
Warwick
Wilanow
Windsor

 

 

 

 

 

 


 

 

O palácio de Charlottenburg hoje está situado dentro dos limites da zona urbana de Berlin, envolvido por modernos prédios e movimentadas avenidas, mas quando foi iniciada sua construção, em 1695, as redondezas eram bem diferentes e mais tranqüilas. Sua construção foi ordenada por Frederico III, Eleitor de Brandenburg, uma das regiões que mais tarde iria formar a Alemanha unificada. Na época o título Eleitor referia-se a um príncipe ou bispo que tomava parte na eleição do imperador, e por isso dispunha de grande prestígio e influência políticos.

Ao lado, a fachada fundos do palácio.

  

Frederik III desejava presentear sua esposa Charlotte com uma residência de verão nos arredores da cidade e para tanto incumbiu o arquiteto Arnold Nering de desenvolver o projeto. Nering idealizou um palácio de estilo barroco italiano, de muito bom gosto, mas que ainda não apresentava a grandeza que viria a ostentar com o tempo. Até seu nome era diferente e na época: Schloss (castelo) Lietzenburg.

Em 1701 o próprio Frederico foi eleito por seus pares como Frederico I, rei da Prússia (outra das regiões que mais tarde iriam formar a Alemanha) e sua esposa Charlotte passaram a ser rainha. De um dia para o outro, o palácio de verão Lietzenburg, que servia perfeitamente como residência de verão para a mulher do Eleitor, não era mais suficiente para a rainha da Prússia. Foi decidida então a ampliação de suas instalações, para que ficassem mais à altura do novo status de seus proprietários. Desta vez o arquiteto encarregado do projeto foi Eosander von Göthe, responsável pela transformação do imóvel num belo palácio.

Ao lado, a fachada principal do palácio.

Após a morte de sua esposa Charlotte, em 1705, Frederico decidiu renomear o castelo em sua homenagem, e a partir de então a propriedade ganhou o nome de Charlottenburg. Também decidiu que o castelo deveria ser aumentado ainda mais, com a inclusão de novas torres e grandes e bem tratados jardins. É deste período ainda a construção da nova ala leste. Um dos ambientes internos que mais chamam a atenção dos turistas é a sala Bersteinzimmer, que tem todas as paredes revestidas com madeira de Berstein trabalhada, exemplo raro de carpintaria artesanal da época.

 

 

Em 1713 morre o rei Frederik I, e o castelo que ele havia mandado construir em homenagem à sua amada entra numa nova fase. Seu sucessor é o rei Frederik II, que mesmo não morrendo de amores pelo palácio autoriza novos acréscimos à construção original. Foi sob seu reinado que foi erguida a ala oeste e o teatro do palácio, sob o comando do arquiteto Georg Wenzelaus. Surgem ainda novos jardins, ornados com monumentos e estátuas diversas. Com o passar dos anos, outros acréscimos seriam feitos à propriedade, como o Belvedere (1788), um novo pavilhão em estilo de vila napolitana (1824) e um mausoléu para a rainha Louise (1810). Ao lado, o salão de refeições do palácio.

 

Com a segunda guerra mundial os bombardeios aliados e a artilharia russa destruíram praticamente toda cidade de Berlin, e Charlottenburg não foi poupado. Em 1945 somente ruínas restavam da antiga residência de verão da rainha Charlotte. Felizmente, devido à sua importância histórica, e também à sorte de estar situado no lado ocidental de Berlin, administrado pelos americanos, o palácio recebeu verbas generosas para sua reconstrução e conseguiu, após anos de trabalho, voltar a ostentar sua grandeza original. Charlottenburg hoje é o maior palácio de Berlin, e agora funcionando como museu, abriga valiosas coleções de arte européias e orientais.

Mais detalhes no site oficial: spsg.de

Quer deixar uma mensagem no Viagens & Imagens? Utilize o Guest Book 1 (nesta opção você terá uma resposta junto à sua mensagem)
ou o Guest Book 2 (opção para quem não necessita resposta). As mensagens estarão visíveis em pouco tempo.

Todas as músicas de Castelos & Palácios são reproduções de autênticas canções medievais ou renascentistas.