Inicio
Akershus
Amboise
Angers
Arundel
Audley End
Azay le Rideau
Bamburgh
Beaumaris
Blackness
Blenheim
Blois
Bodiam
Budavari
Caernarfon
Caerphilly
Cardiff
Carlisle
Chambord
Charlottenburg
Chantilly
Chenonceau
Chepstow
Cliffords
Conciergerie
Conwy
Criccieth
Doune
Dover
Edinburgh
Ewloe
Fontainebleau
Frederiksborg
Glamis
Hampt Court
Harlech
Hatfield
Heidelberg
Hever
Hohenschwagau
Langeais
Leeds
Linlithgow
London Tower
Neuschwanstein
Newcastle
Norwich
Nottingham
Nymphenburg
Pena
Penshurst
Pierrefonds
Prazsky
São Jorge
Schonbrunn
Scone
Southsea
Stirling
Tonbridge
Urquhart
Versalhes
Villandry
Vincennes
Warwick
Wilanow
Windsor

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

Doune foi o quarto castelo que visitamos no mesmo dia em que, enquanto estávamos hospedados em Edinburgh, decidimos fazer um passeio pelos locais históricos situados nas redondezas da cidade.  Ele estava em reformas na ocasião, e somente uma simpática senhora estava no local, vendendo os ingressos que permitiam o acesso ao pátio interno e torres. Super simpática, quando dissemos que éramos do Brasil, abriu um sorriso acolhedor e nos fez sentir quase em casa.

Doune Castle é considerado como um dos melhores e mais conservados exemplos da arquitetura militar Escocesa do século XIV. Ele foi construído neste lugar de forma a controlar uma das principais regiões do país, assim como as rotas que ligavam as cidades importantes da Escócia medieval, que eram Edinburgh, Inverlochy, Glasgow e Inverness.

   

Doune não é um castelo bonito, mas em compensação tinha posição estratégica. Por estar situado às margens dos rios Teith e Ardoch tinha condições de controlar todo o comércio fluvial da região. Sua construção ocorreu por determinação de Robert, o Duque de Albany, em fins do século XIV. Ele foi morto em combate antes da conclusão do castelo, por isto seu filho Murdoch assumiu a continuidade dos trabalhos. O castelo de Doune consistia basicamente numa grossa e alta muralha, fazendo um quadrilátero, sendo que em um dos cantos foi posicionada a torre principal, de formato quadrado e que servia também como controle de acesso ao interior do castelo. 

Embora do ponto de vista militar fosse uma construção bastante eficaz e atendesse seus objetivos estratégicos com perfeição, se comparado com outras edificações da época, Doune não podia ser considerado como uma maravilha arquitetônica. Seu formato era simples, lembrando um caixote. Ele nunca chegou a ser residência real, portanto não sofreu embelezamentos que lhe permitisse atingir o status de palácio real.

A foto ao lado foi feita em seu pátio interno, e a escadaria que pode ser vista logo atrás de Regina conduz à única torre do castelo, construída no vértice de duas fachadas.

Site Oficial: Doune Castle

O estilo sóbrio e militar lembra de certa forma outras construções da mesma época, como o castelo de Bodiam no sul da Inglaterra. Ambos tinham torres que serviam simultaneamente como proteção e acesso, formando uma sólida muralha defensiva. Esta era uma técnica militar bastante utilizada pois permitia aos senhores feudais protegerem-se contra inimigos ou até mesmo contra supostos amigos, pois as frágeis alianças da época não raro mudavam mais do que a direção dos ventos.

Murdoch, o senhor do castelo, envolveu-se num complô contra o rei, e terminou aprisionado e condenado à morte em 1425. O castelo de Doune passou então ao controle da família real, sendo que mais tarde, o rei James IV lhe concedeu como presente para sua esposa, a rainha Margareth. Após a morte de James IV, Margareth casou-se outras vezes, sendo que seu terceiro marido foi Lord Maten, descendente dos duques de Albany. Este foi o início da uma longa linha hereditária cujos descendentes permanecem até hoje como proprietários do castelo.

Vídeo: Doune Castle

 

O castelo de Doune não chega a ser um dos mais visitados da Escócia, talvez por suas formas arquitetônicas não serem do tipo que a maioria dos visitantes prefere encontrar, com torres altas e imponentes. No entanto para quem estiver interessado em visitar castelos Escoceses, conhecer um pouco mais de sua história e sua arquitetura, e principalmente se você estivar nas proximidades da cidade de Edinburgh, vale a pena uma esticada até lá. De Stirling a Doune levamos apenas dez minutos, seguindo pelas estradas A9 e depois pela B824. 

 

 

Todas as músicas de Castelos e Palácios são reproduções de autênticas canções medievais ou renascentista .
Para interromper a execução pressione a tecla ESC.